PROJETO YOGA PARA TODOS

Sou um bloco de texto. Clique no botão editar para alterer este texto. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec ullamcorper mattis, pulvinar dapibus leo.

Our Sweets

Handcrafted delights that instantly brighten up your day. Whether its chocolate, vanilla or cinnamon, we use the finest ingredients to produce these mouth watering artifacts.

“Tasty food, set inside a lovely coffee house.”

It was an real incredible experience for me. The quality of food was only matched by the quality of service I got. I wish I can keep the flavor in my mouth for ever. Thanks for making the evening an unforgettable one.
Sandra Files

Tasty Breakfast

I am text block. Click edit button to change this text. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec mattis pulvinar 

Birthdays & Events

I am text block. Click edit button to change this text. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec mattis pulvinar 

Fresh Coffee

I am text block. Click edit button to change this text. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec mattis pulvinar 

Reproduzir vídeo

Our Sweets Collection

The best way to experience our wide collection of sweets is to visit the store. Follow the aromas and choose the most enticing sweets to satisfy your palate.

Visit Us

Dicas para Prática

INSTRUÇÕES BÁSICAS PARA A PRÁTICA DO YOGA EM SALA DE AULA 

1.Escolha um horário que você consiga cumprir com regularidade sua prática. Com o tempo seu corpo se condiciona naquele horário tornando você mais assíduo.

2.Use roupas confortáveis, leves e de preferência largas para facilitar a execução dos movimentos e a transpiração da pele.

3.Prepare-se para a aula, lembrando que é um momento para se energizar de forma positiva. Por isso, se possível tome um banho logo antes da prática e use roupas limpas. Isso favorecerá a sensação de bem-estar. Deve-se esperar pelo menos 1 hora depois da prática para tomar banho.

4.Evite atrasos. A disciplina é um dos pontos mais importantes para seu desenvolvimento. Isso provavelmente será refletido no seu dia-a-dia. Se não conseguir chegar no horário, entre com o máximo de silêncio possível e deite-se para se acalmar por 5 minutos e então siga a orientação do professor.

5.Desligue o celular antes de entrar na sala. Se estiver esperando uma ligação importante, coloque-o no silencioso e ao seu lado. Se precisar, saia da sala para atendê – lo e se mantenha longe do local de prática. Lembre-se que dentro da sala é muito mais silencioso e que é mais fácil escutar o que está fora dela. Todos entenderão sua posição se houver respeito.

6.Se precisar sair antes do término da aula, comunique previamente ao professor. Saia logo antes do relaxamento final ou depois. Evite sair no meio do relaxamento, pois por mais silencioso que você seja, só em abrir a porta desconcentra e pode assustar quem está em silêncio e relaxado.

7.Entre sempre na sala em silêncio contribuindo para a energia de paz no ambiente.

8.Evite caminhar com calçados no local das práticas. Coloque os sapatos fora, no canto da sala ou em local indicado.

9.Aproveite o momento antes da aula para ler os mantras, fazer uma prece ou relaxar para acalmar e sintonizar a mente até iniciar a aula.

10.Se você tiver sentindo algum desconforto ou dores no corpo, informe a seu professor assim que chegar a fim de que o mesmo possa modificar seus ásanas se necessário. As mulheres no período menstrual até o terceiro dia, também devem comunicar ao professor.

11.Se não for importante, deixe as dúvidas para o final da aula. O professor estará mais disponível. Mas caso sinta algum desconforto (tonturas, dores) deverá comunicar imediatamente ao professor. Respeite seu corpo.

Seguindo esses critérios básicos, ficará mais fácil criar um ambiente que favoreça sua concentração, deixando que sua Mente, seu Corpo e seu Espírito entrem em sintonia com a energia do grupo e com a sua Paz interior.

Benefícios

FÍSICOS

Domínio do corpo e da mente. (até mesmo sobre os pontos considerados involuntários como o batimento cardíaco e funções peristálticas).Dores musculares e articulares são reduzidas;

A imunidade aumenta muito;

Melhora a qualidade do sono e de descanso;

O peso normaliza em função da melhora do funcionamento de todo organismo e da diminuição da ansiedade;

Disposição e Força aumentam (vitalidade e energia);

A postura é melhorada;

Aumenta a flexibilidade das articulações, dos músculos e dos tendões;

As funções excretoras, glandulares e gastro intestinais melhoram;

Eficiência cárdio – respiratória aumenta;

Desintoxicação orgânica ocorre com grande intensidade;

Pressão sanguínea tende a se normalizar. Principalmente se for alta;

Respiração por minuto se torna minimizada e o aumento da vitalidade e da longevidade ocorre naturalmente;

Alivia a fibromialgia;

L.E.R (lesões por esforço repetitivo) diminui;

PSICO MOTORES

Melhora o equilíbrio;

Aumenta a concentração em um ponto específico e a percepção do ambiente;

Coordenação motora geral é aumenta;

Aumenta a precisão dos movimentos;

MENTAIS

Estima-se que 80% de doenças são causadas por desequilíbrio emocional, as chamadas doenças
psicossomáticas.Paciência;

Memória e concentração aumentadas;

Autoconfiança;

Hostilidade, depressão e ansiedade diminuem;

Promove estabilidade emocional e mental em situações adversas;

Proporciona auto aceitação e vontade de viver;

Promove Paz interior e diminuição da ansiedade;

ESPIRITUAIS

Relação pessoal e interpessoal melhorada

Realização do Self.

“A prática do Yoga vai muito além do trabalho preventivo ou curativo de doenças. Muito além de uma melhor qualidade de vida. Proporciona saúde e harmonia entre o corpo e a mente. Um novo “olhar” perante a vida”.              (Vina)

O QUE É YOGA ?

O termo Sânscrito Yoga é normalmente definido como União do ser Individual com o Supremo de si mesmo.
É perceber que o que você procura já se encontra dentro de si mesmo. Ou seja, VOCÊ JÁ É A FELICIDADE QUE PROCURA.

Os exercícios de Autoanálise; Autoconhecimento; Discernimento; Respeito; Relacionamento Interpessoal; Controle emocional e Concentração são utilizados para a diminuição do estresse e da ansiedade.
A partir da prática dos Ásanas, Pranayamas, Relaxamento, Concentração, Mantras e Ensinamentos; trabalhamos o domínio do corpo e o controle da mente como veículos para essa autotransformação/ percepção.

Mestres e Métodos

yoga para todos


 

SWAMI SIVANANDA

A vida de Swami Sivananda (1887-1963) é um perfeito exemplo de serviço à humanidade, primeiro como médico e depois como um renomado sábio. Servir a todos, amar a todos, mesclar-se com todos e ver Deus em todos os seres foram os ideais que ensinou e entregou a sua vida.
Nasceu em setembro de 1887 no Sul da Índia e mesmo vindo de uma família ortodoxa, era aberto e não tinha preconceitos. Fez-se médico para servir a humanidade. Serviu aos pobres da Malásia. Escreveu revistas e artigos sobre saúde. Chegou a ter uma posição social muito boa como médico dirigindo dois hospitais, mas resolveu levar uma vida de renúncia. Em 1924 estabeleceu-se em Rishikesh onde encontrou seu guru, Swami Vishwananda . Durante os sete anos seguintes dedicou a maior parte do seu tempo à meditação e atendia aos pobres em uma pequena clínica que ele mesmo estabelecera. Pouco a pouco apareceram os primeiros discípulos.
Os ensinamentos de Swami Sivananda fundiu todos os tipos de yoga em um: Yoga da síntese. Seu lema era: Serve, ama, doa, purifica-te, medita e realiza-te. Para ele, qualquer trabalho era sagrado e nunca recusava a oportunidade de servir e ajudar os demais, nem deixava para o dia seguinte.
Foi autor de mais de 200 livros, com sua mensagem de amor e serviço. Tem discípulos em todo o mundo pertencentes a todas nacionalidades, religiões e credos.

SWAMI VISHNU-DEVANANDA

Um de seus mais dedicados discípulos foi Swami Vishnu-Devananda (1927-1993), a quem enviou para difundir a pratica de yoga no Ocidente. Swami Vishnu Devananda chegou em 1957 a San Francisco e passou vários anos viajando pelos Estados Unidos, dando conferencias e fazendo demonstrações de ásanas (posturas), antes de estabelecer uma rede internacional de Centros e Ashrams de yoga Sivanada Vedanta. Além disto, é um dos principais expoentes mundiais da Raja e da Hatha Yoga. Observando atentamente o estilo de vida dos ocidentais e suas necessidades, sintetizou a antiga sabedoria do Yoga em cinco princípios básicos que são fáceis de incorporar a nossa própria forma de viver e que constituem a base de uma vida longa e saudável. São eles:
Relaxamento adequado (savasana)
Exercício adequado (ásanas)
Respiração adequada (Pranayamas)
Dieta adequada
Pensamento positivo e meditação.

E deu o nome ao método de Yoga Sivananda  em homenagem ao seu Mestre.

​ 

SRI AUROBINDO

Sri Aurobindo, Mestre do Yoga Integral
Filósofo,poeta nasceu em Calcutá 15 de Agosto de 1872
Educado na Inglaterra e ao retornar a Índia luta politicamente pela libertação do seu povo.
Como professor e escritor mantem contato com lideres e ativistas, publica artigos em jornais tentando conscientizar
e libertar a nação indiana do dominio inglês.
Torna – se lider do Partido Nacionalista e acaba preso acusado de instigar um atentado.
É a partir desse acontecimento que ainda na prisão, que Sri Aurobindo tem sua primeira experiencia para despertar uma realidade divina na terra.
Solto, Sri Aurobindo parte então para Pondicherry na Índia, onde vive dedicado permanentemente a sua busca interior.
Em 1914, chega Mira Alfassa , companheira espiritual de Sri Aurobindo, chamada ” Mãe” sendo ela a realizadora e materializadora da comunidade de Yoga Integral.
Graças a esses seres luminosos com sua entrega aspiração e fé, realizaram o trabalho da descida da suprema consciência e estabelecimento da descida da supramente sobre a Terra. Tornando se perfeitos instrumentos da consciencia universal
O Yoga integral não visa uma fuga do mundo para ´ceu ou Nirvana, mas uma mudança de vida e existencia, não como
algo subordinado ou incidental, mas com um objetivo distinto e central.

SWAMI VIVEKANANDA

Foi o principal discípulo de Sri Ramakrishna Paramahamsa e fundador da Ordem Ramakrishna. Assim como seu Guru, afirma que todas as religiões são verdadeiras e que por meio delas o praticamente pode encontrar libertação.
Após a morte de Sri Ramakrishna, Swami Vivekananda
tornou-se monge errante e mais tarde viajou para a américa do norte, onde se tornou o maior propagador da Yoga e do pensamento não dualista de seu tempo.

Raja Yoga
Conhecida inicialmente como caminho óctuplo ou Yoga de Patanjali, a Raja Yoga, muito divulgada por Swami Vivekananda e pela teosofia no final do século XIX, apresenta ao praticante um meio prático para o desenvolvimento de uma vida saudável e auto conhecimento. É uma ciência que por meio de etapas, como as técnicas de respiração, posturas e a meditação, auxilia o praticante a conhecer a realidade, alcançar o despertar e a plena realização.

MAHARISHI KARTIKEYA

Mestre tântrico: Maharishi Kartikeya foi o percussor do Dakshina Tantra yoga e viveu até o início do século 20na India, nos Himalaias durante muitos anos de onde saiu e começou a ensinar. F oi um grande mestre de yoga e dedicou-se ao bem estar da humanidade difundindo raras e valiosas técnicas comprovadamente eficazes na cura de doenças, proporcionando aos indivíduos estabilidade e pureza mental.

DAKSHINA TANTRA YOGA : O TANTRA DA MAO DIREITA.
A Palavra TANTRA significa governar, controlar, manter através de disciplina. O objetivo do Tantra Yoga é o equilíbrio da personalidade, levar o indivíduo a controlar a si mesmo pois, segundo os tantras somente o equilibrado pode perceber e vivenciar que é e sempre foi a felicidade que tanto busca. Para atingir seu objetivo, o tantra observa as características pessoais do aluno e através desta observação, prescreve o tipo de prática para cada indivíduo. O caminho do tantra nos leva a um destino: o autoconhecimento, pois através do autoconhecimento expandimos a consciência e percebemos que já somos a felicidade de que tanto buscamos mas que procuramos essa felicidade no mundo exterior e bens materiais, pois a felicidade é um estado de consciência e também o reencontro com a unidade.

O que é Yoga?

O termo Sânscrito Yoga é normalmente definido como União do ser Individual com o Supremo de si mesmo.
É perceber que o que você procura já se encontra dentro de si mesmo. Ou seja, VOCÊ JÁ É A FELICIDADE QUE PROCURA.

Os exercícios de Autoanálise; Autoconhecimento; Discernimento; Respeito; Relacionamento Interpessoal; Controle emocional e Concentração são utilizados para a diminuição do estresse e da ansiedade.
A partir da prática dos Ásanas, Pranayamas, Relaxamento, Concentração, Mantras e Ensinamentos; trabalhamos o domínio do corpo e o controle da mente como veículos para essa autotransformação/ percepção.

VYDIA

 


Vydia “Vydia” , hoje uma palavra utilizada na Índia como ” conhecimento” vai mais além. É um nome dado a Deusa Hindu Saraswati , a personificação do conhecimento verdadeiro, a sabedoria plena, que tira a venda dos olhos dos homens.

Esta sessão propõe ao visitante uma via para reflexão nesse caminho para a real sabedoria….

OS OITO MEMBROS DO YOGA

O termo Sânscrito Yoga é normalmente interpretado como “união” do EU, individual, com o SUPREMO de si mesmo.

O Yoga (ioga) é tradicionalmente dividido em 8 membros:

Yama – diz o que deve ser realizado para não causar danos ao indivíduo e à sociedade – não violência, verdade, abstenção da avareza, controle do prazer sensorial, livrar-se da ambição de possuir mais do que o necessário.

Nîyama – nos diz o que devemos fazer pelo bem do indivíduo e da sociedade – higiene, contentamento, ardor (paixão pelo que faz), autoexame e auto rendição.

Ásanas – são as várias Posturas que levam as funções físicas e fisiológicas do corpo a entrar em harmonia com o padrão psicológico da disciplina yogue.

Pranayama – é a ciência da Respiração. Além da irrigação celular e o auxílio à liberação das toxinas, conecta o macrocosmo com o microcosmo, juntamente com as posturas, leva à concentração e à meditação.

Pratyahara – é igualmente, Silenciar os sentidos e mantê-los passivamente em suas posições, ou direcioná-los para o interior da individualidade (na essência do ser).

Dharana – é a Concentração. É focalizar a atenção no cerne do ser.

Dhyana – é a Meditação, é a contemplação do seu templo (corpo) na unidade periferia/centro.

Samadhi – é o estado de graça em que corpo, mente e alma comungam com o Espírito universal.

 ” É assim que o Yoga deve ser praticado, com vontade, disciplina, respeito ao seu corpo, silenciando os sentidos até chegar ao estado de união e equilíbrio entre corpo/mente/alma. Assim, teremos uma melhor qualidade de vida enquanto buscamos descobrir que já somos o que procuramos”.     
Profa- Michelline Almeida (Vina)

É POSSÍVEL SOFRER DE AMOR? (Por Bal)

“Eu sofro de amor” é uma trágica afirmação que se faz presente em milhões de bocas e mentes mundo afora. Independente de etnia, credo, educação ou formação, sofrer de amor se apresenta como se fosse uma maldita condição inerente à natureza humana. Tanto se reforça essa afirmação que lidar com ela é questão cotidiana. “Não vivo sem você” diz a música, “morro de amor” diz a literatura, “preciso do seu amor” diz o cinema.
Mas como é possível que haja amor, e do amor brote sofrimento?
Simplesmente não é possível.
A identificação com o sofrimento surge da ilusão da incompletude; da falsa ideia de que ter satisfeitas suas expectativas românticas resultará em plena satisfação. Aquele que declara sofrer de amor sequer conhece o objeto “amado”, pois que ele é apenas ideal, fantasia e especulação. O que ele imagina amar não existe além de sua imaginação. Ele não conhece o amor, simplesmente deu o nome “amor” ao doloroso anseio de se ver completo por algo que vê “do lado de fora”.
sofrer de amor é a crença de que a felicidade só pode ser encontrada em algo além do alcance; é o desespero que frutifica de ter que lidar com a fragilidade do apego.
O amor, por sua vez, é em si mesmo completo. E se é completo, não resta espaço para identificação com sofrimento. Eleve sua percepção de amor para além do desejo, da sensualidade e da sexualidade, então haverá se percebido completo; livre do prazer efêmero obtido pela satisfação dessas carências se manifesta o amor verdadeiro. Esse não se sente incompleto em função do outro, mas abarca sua liberdade; ele não possui deveres, necessidades ou limitações. É uma força livre do outro e de si próprio; a ele tudo é permitido . Essa força, sem esforços, se expande e a tudo devora com delicadeza.
Mas não se aprende a amar. Quando você procura aprender a amar, o amor se foi.
Perceber o amor é uma reviravolta.

Não existem condições para o amor. Amor é entrega, e nunca submissão; é completude, e nunca necessidade; é doação, e nunca negociação; é unidade, e nunca apego. O amor diz “Somos Livres”.

Bal

“Multi sunt vocati, pauci vero electi.”

Horários de Aulas

SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA SÁBADO
07:30

MICHELLINE

Sivananda Yoga

MICHELLINE

Sivananda Yoga

09:30

ROSÁLIA

Yoga Integral

ROSÁLIA

Yoga Integral

10:15

MICHELLINE

Consulta Ayurvédica

MICHELLINE

Consulta Ayurvédica

AULÅO

Mensal

 

 

 

 

 

 

15:00

 

MICHELLINE

Consulta Ayurvédica

MICHELLINE

Consulta Ayurvédica

MICHELLINE

Consulta Ayurvédica

MICHELLINE

Consulta Ayurvédica

15:15

SALA 1

ROSALIA

Yoga Kids

3-5 Anos

15:15

SALA 2

CRIS

Yoga Kids

6-9 Anos

17:00

MICHELLINE

Sivananda Yoga

CRISTIANA

Yoga Integral

MICHELLINE

Sivananda Yoga

CRISTIANA

Yoga Integral

18:30

MICHELLINE

Sivananda Yoga

CRISTIANA

Yoga Integral

MICHELLINE

Sivananda Yoga

CRISTIANA

Yoga Integral

20:00 CRISTIANA

Yoga Integral

CRISTIANA

Yoga Integral